Mercado Diário – 29/09/2017 – Encerramento da Semana

  • O Índice do Dólar (DXY) teve queda na sexta-feira, porém o índice fechou a terceira semana consecutiva de alta, indicando que o dólar poderá continuar o movimento.
  • EURUSD após abrir a semana em baixa, teve correção de alta, e voltou a testar a região de resistência 1.182, encerrando a semana abaixo desse valor.
  • GBPUSD voltou a cair e não conseguiu por hora retomar a alta, região 1.333 poderá oferecer suporte o suficiente para uma nova tentativa de continuação da alta.
  • USDJPY teve dia pouco volátil e encerrou a sexta-feira com pequena alta, com o preço encerrando a semana com vela semanal bullish.
  • USDCHF caiu na sexta-feira e voltou a tocar a EMA10, região 0.964 a 0.967 poderá atrair compradores.
  • BTCUSD caiu no decorrer do dia e encontrou suporte em $4.000, o preço após tocar esse valor, subiu novamente e encerrou a sexta-feira próximo ao valor de abertura.

Mercado Diário – 29/09/2017

  • O Índice do Dólar (DXY) teve queda, mas não conseguiu romper a mínima do dia anterior, o que sugere que a região 93 está se consolidando como suporte no índice.
  • EURUSD subiu com o preço tendo encontrado suporte em 1.172 e voltou a testar a região 1.18 que agora funciona como resistência e atrai vendedores.
  • GBPUSD conseguiu voltar a ser negociada acima de 1.34, caso o preço supere e feche acima de 1.346 o preço poderá criar momento suficiente para um desafio do 1.35.
  • USDJPY teve retração na alta, encontrando resistência em 113.2, mercado poderá recuar mais, porém região 111.5 poderá limitar uma queda maior.
  • USDCHF voltou a subir, mas não teve força suficiente para se manter em alta e caiu, voltando a ser negociado em torno de 0.97.
  • BTCUSD está se mantendo acima de $4000, MACD teve um cruzamento o que indica que compradores voltaram ao mercado.

Previsão do Preço do Ouro para 29 de Setembro de 2017

gold-092817

Os preços do ouro recuperaram da sessão  de baixas fechando na sessão, à medida que a inflação continua a ser sustentada na Europa. O dólar assumiu finalmente uma consolação depois de escalar durante a maior parte da semana, o que pavimentou o caminho para o metal dourado recuperar. O suporte é visto junto às baixas de 24 de Agosto em 1.275, enquanto o suporte é visto junto da média de mudança de 10 dias em 1.299. O impulso mantém-se negativo à medida que o histograma MACD (média de mudança convergência divergência) imprime no vermelho com uma trajetória inclinada descendente que aponta para preços mais baixos.

Inflação Alemã Está Estacionária

A Inflação Alemã IHPC está estável em 1,8%, ano após ano, em Setembro, segundo os dados preliminares. A taxa nacional CPI também manteve-se constante em 1,8%, ano após ano, apesar do facto de a inflação dos preços da energia e da alimentação terem acelerado bruscamente. Os preços da energia aumentaram 2,7%, ano após ano, após o aumento de 2,3%, ano após ano, no mês anterior. A inflação dos preços da alimentação acelerou de 3,6%, ano após ano, para 3.0%, ano após ano. A inflação do preço dos serviços, entretanto, manteve-se constante em 1,6%, ano após ano.

 

Mercado Diário – 27/09/2017

  • O Índice do Dólar (DXY) teve continuação da alta e o dólar americano conseguiu manter o momento de fortalecimento que vem passando.
  • EURUSD após o rompimento do suporte em 1.182 estendeu o movimento de queda e voltou a se aproximar de 1.17, nível que poderá ser testado nessa quinta-feira.
  • GBPUSD após o doji na terça-feira caiu e voltou a ser negociado abaixo de 1.34, vendedores poderão continuar forçando uma correção maior no par.
  • USDJPY teve dia de outra alta e conseguiu ser negociado acima de 113, de acordo com a visão de uma potencial aproximação ao nível 114.
  • USDCHF teve dia de alta e tocou a região de resistência 0.977, após aproximar-se dessa região o preço recuou e voltou a oscilar ao redor de 0.97.
  • BTCUSD conseguiu superar a máxima da semana passada, o que coloca o ativo em condições de ter continuação da tendência de alta.

Previsão do Preço do Ouro para 28 de Setembro de 2017

gold-092717d

Os preços do ouro desceram à medida que o dólar continuou a ganhar força, abrindo o caminho para preços mais baixos do metal dourado. O preço do ouro é fixado em dólares e, como tal, um dólar mais forte torna o ouro mais caro noutras moedas, o que pesa sobre os preços.  Os comentários de Yellen, na Terça-feira, ao afirmaram que a Fed pode ter exagerado nos problemas com a inflação, também pesaram sobre os preços do ouro.

Impulso Permanece Negativo

O ouro quebrou e está preparado para testar o suporte perto das baixas de 24 de Agosto em 1.275.  A resistência do metal dourado é vista perto da média de mudança de 10 dias em 1.304. O impulso mantém-se negativo à medida que o histograma MACD (média de mudança convergência divergência) imprime no negro com uma trajetória inclinada descendente que aponta para preços mais baixos do metal dourado. O RSI (índice de força relativa) também quebrou, refletindo a aceleração do impulso negativo.

 

Previsão do Preço do Ouro para 27 de Setembro de 2017

gold-092617

Os preços do ouro mudaram, negociando numa variação apertada e invertendo a recuperação de segunda-feira, tendo uma alta mais elevada e uma baixa inferior, apesar de encontrar resistência junto da média de mudança de 10 dias em 1.308 e suporte perto da média de mudança de 50 dias em 1.292. Este é o segundo dia consecutivo em que os preços permanecem nesta variação apertada. O fecho em 1.297 parece coincidir com a anterior resistência que pode ser vista como o nível de quebra vivenciado em Agosto e também com as elevações vistas em Abril e Junho.

Impulso do Ouro é Neutro

O impulso é neutro, à medida que o índice MACD (média de mudança convergência divergência) imprime no vermelho, mas a trajetória do histograma MACD está virando para cima, o que reflete consolidação. O RSI (índice de força relativa) também está a mover-se para as laterais e está actualmente a imprimir uma leitura de 45, que está no meio do intervalo neutro e reflete consolidação.

Mercado Diário – 27/09/2017

  • O Índice do Dólar (DXY) teve continuação de alta, com o dólar se fortalecendo e sugerindo possível continuação do movimento.
  • EURUSD teve queda e rompeu a linha de suporte em 1.182, caindo abaixo de 1.18, o que indica que vendedores poderão derrubar a cotação ainda mais.
  • GBPUSD teve um dia bastante volátil e no fim do dia encerrou o período com um doji, indicando indefinição sobre o sentido da evolução do preço.
  • USDJPY voltou a subir após a queda até a região das EMAs, a tendência é de alta e poderá se manter, com potencial para um teste da região 114.
  • USDCHF subiu e voltou a ser negociado acima de 0.97, porém acabou caindo e encerrou o dia pouco abaixo desse valor, podendo testar novamente a região.
  • BTCUSD não encontrou força para continuação da alta e teve uma pequena vela bearish próximo as EMAs, preço poderá cair da região.

EUR/USD: Eleição Alemã Enfraquece o Euro

Neste final de semana que passou, tivemos na Alemanha eleições que podem ter mudado a expectativa dos agentes econômicos em relação ao euro, ao menos no curto prazo. O partido de Angela Merkel, CDU, foi o vitorioso, com maior representação no Parlamento, porém tiveram uma redução expressiva na composição parlamentar, com um aumento da força da oposição ao seu governo, oposição essa representada principalmente pelos partidos AFD e pelo SPD.

Sendo assim, o governo de Angela Merkel terá que fazer a coalizão possível, unindo-se a partidos menores, e ainda assim deverá encontrar mais dificuldade na implementação de políticas, pois a divergência entre a potencial base governista alemã não será pequena, e ainda encontrarão forte oposição de dois grandes partidos, que buscam conquistar mais espaço, e usarão os erros do governo como vitrine para que possam ganhar força em seu discurso.

Portanto, dentro desse cenário interno um pouco mais difícil para a principal economia da Europa, o euro deslizou, e os “euro bulls” não estão conseguindo manter o mesmo otimismo que vinham tendo, e o EURUSD está caindo, e os suportes que antes estavam segurando o preço neste momento não estão conseguindo segurar com a mesma eficácia.

Ao observarmos o gráfico mensal, o par chegou a uma região que foi suporte por bastante tempo, e que neste momento ofereceu resistência, a área 1.20 a 1.21. E culminando com a potencial região de resistência, essas eleições complicadas para o governo alemão, o que aumentou a efetividade de resistência da região em verde como podemos ver no gráfico a seguir:

Gráfico mensal EURUSD:

EURUSD_montly

Ao observarmos o gráfico diário, o preço rompeu a linha de suporte do canal de alta em cerca de 1.186, além disso, vemos uma formação que se assemelha bastante com um Ombro-Cabeça-Ombro, e a linha do pescoço (neckline/decote) se encontra na região 1.182, que foi testada e neste momento o preço está abaixo da mesma, sugerindo um potencial rompimento da região. No caso do preço fechar abaixo de 1.18, isso indicará o rompimento, o que poderá levar o preço de volta a região 1.15, com uma mudança significativa no sentimento do mercado em relação ao que vinha ocorrendo nos últimos meses.

 

Mercado Diário – 26/09/2017

  • O Índice do Dólar (DXY) abriu com um gap bullish após as eleições na Alemanha terem fortalecimento de partido de oposição à Angela Merkel.
  • EURUSD abriu a semana em baixa e testou a região de suporte do canal de alta, conseguindo cair abaixo da linha, podemos ter uma formação Cabeça e Ombros, suporte em 1.182.
  • GBPUSD teve um dia bastante volátil, tentou iniciar a semana em alta, porém acabou caindo e encerrou o dia abaixo do valor de abertura.
  • USDJPY teve queda com extensão da retração iniciada sexta-feira, tendência ainda é de alta e preço poderá voltar a subir, par tem como principal suporte região 111.
  • USDCHF caiu com o franco suíço conseguindo postar ganhos perante o dólar, alinhamento das EMAs sugerem potencial retomada de alta.
  • BTCUSD iniciou a semana subindo, com o preço tentando se aproximar da região de resistência $4000, preço próximo as EMAs poderá cair novamente.

Previsão do Preço do Ouro para 26 de Setembro de 2017

gold-092517

Os preços do ouro aumentaram na sequência dos comentários da Coreia do Norte que afirmou que a retórica dos Estados Unidos é considerada um ataque de guerra. Enquanto isso foi interpretado literalmente, os preços do ouro recebeu um pop, apesar de uma desmarcação do dólar na sequência das eleições Alemãs.

Impulso Negativo Desacelera

Os preços do ouro recuperaram perto do suporte na média de mudança de 50-dias repercurtindo-se até à resistência junto da média de mudança de 10 dias em 1.312. Os preços recuperaram depois de testar o nível de retração Fibonacci de 38,2%. O impulso negativo já começou a desacelerar, já que o índice MACD (média de mudança convergência divergência) está a imprimir no vermelho, mas a trajetória do histograma MACD está a achatar, o que é um reflexo da consolidação. O RSI (índice de força relativa) que é um oscilador de impulso que mede o nível do excesso de compra e de venda está a imprimir uma leitura de 50, que está no meio do intervalo neutro e reflete a consolidação.