EUR/USD Estende Correção

EUR/USD Estende Correção

O EURUSD passou por uma tendência de queda que teve início em outubro, o preço caiu da área 1.18, e posteriormente caminhou para um teste da área de suporte 1.13, nível  que foi desafiado na semana passada, porém não conseguiu o rompimento, e o aumento da demanda na região, levou o par novamente a uma correção para o norte, fazendo o preço voltar a ser negociado acima de 1.14.

O movimento de alta encontrou resistência na área 1.143, região que teve a convergência de duas resistências, uma dinâmica, e outra estática, sendo que o preço no primeiro teste dessa área, não conseguiu superar a região, e acabou recuando um pouco mais abaixo, para o nível 1.14. Porém, após essa ligeira queda, o mercado voltou a subir, e conseguiu uma superação da resistência que vinha segurando o preço, e agora o mercado caminha para um teste e possível superação do nível 1.15.

Veja o gráfico diário do EURUSD:

Caso o mercado consiga continuar o movimento de alta e tenha um fechamento diário acima de 1.15, isso indicará a presença forte de compradores, que poderão continuar buscando uma elevação da cotação, que pode levar o preço novamente a área 1.16, ou níveis ainda mais altos, o nível 1.15 é um nível psicológico forte, e no caso do preço falhar em superar esse nível, e após testar a região volte a fechar abaixo da mesma, nesse caso uma nova queda poderá ocorrer no par.

Analisando tecnicamente o EURUSD em velas diárias, vemos a EMA10 (vermelha) abaixo da EMA20 (azul) indicando a tendência de baixa, o MACD está menor que a linha de equilíbrio, também indicando a tendência de baixa, o Estocástico está próximo do sobrecomprado, indicando que o preço encontrou suporte e passa por uma correção para cima, portanto, de forma geral, os indicativos são de tendência de baixa, mas agora é a hora da retração para o norte, e o principal nível a ser monitorado é o 1.15.

Published by

Renan Raminelli

Renan Raminelli nasceu em 14 de outubro de 1982 em São Paulo. Renan graduou-se em Administração de Empresas pela UNESP, com especialização em Agribusiness. Assíduo acompanhador de assuntos econômicos, durante a Universidade realizou workshops sobre o mercado financeiro, e iniciou suas operações no mercado de capitais em 2007, com a compra de ações blue-chip brasileiras na Bolsa de Valores de São Paulo, com o passar do tempo migrou para o mercado Forex. Antes de vir para a Alpari, possuía oito anos de experiência nos mercados financeiros, focado em negociação técnica, análise fundamental e psicologia da negociação, dando grande importância emter um sistema de negociação e permanecer com ele e fatores psicológicos, considerando disciplina, paciência, previsibilidade e probabilidade, para melhorar a consistência e se tornar um trader melhor.