Previsão do Petróleo Bruto, 25 de Janeiro de 2017, Análise Técnica

Petróleo Bruto

O mercado do Petróleo Bruto WTI fez um rally ligeiro, durante o dia de Terça-feira, rumando ao patamar dos $54. Hoje, nós recebemos o anúncio dos Inventários do Petróleo Bruto e isto, obviamente, tem um efeito massivo sobre os mercados do petróleo bruto mundial. Espera-se que haja um acrescento de 2.45 milhões de barris na América, é provável que este número será, provavelmente, ultrapassado pelos negociadores de todo o mundo, muito de perto. Obviamente, deveria um pouco de volatilidade, no dia de hoje, mas, a menos que exista algo verdadeiramente acerca do número, nós vamos, mais do que provavelmente, continuar a encontrar uma consolidação ao avançar. Eu sou vendedor de uma vela exaustiva logo abaixo do nível dos $55, tal como sou comprador de velas de suporte logo acima do nível dos $51. Entretanto, espere muita volatilidade mas, a mais longo prazo, eu julgo que o excesso de oferta fará, provavelmente, voltar atrás.

oil

Brent

Os mercados do Brent caíram, inicialmente, na Terça-feira, mas encontraram o nível dos $55 suficientemente interessante para formar compradores no mercado. Nós estamos novamente a rumar às altas da área de consolidação, que fica algo junto à região dos $57.50. Com isto em mente, eu julgo que os rallies a curto prazo esgotarão, provavelmente, mas, se nós quebrarmos abaixo do fundo de um martelo para a sessão de Terça-feira, nós poderíamos cair a caminho do nível dos $53. Este é um mercado que deveria ser muito similar ao mercado WTI, significando que teremos volatilidade, mas uma vez obtida uma mudança impulsiva, eu julgo que você poderá seguir. O nível dos $53 subjacente, sendo quebrado, deveria enviar este mercado para o nível dos $50.

Preste atenção ao dólar dos EUA, se o mesmo começar a fortalecer, os mercados do petróleo cairão, no geral. Isto é especialmente feroz se a imagem da procura continuar a parece tão bearish como pareceu durante as últimas semanas. Quaisquer acrobacias a saltarem para fora do acordo de corte da produção corresponderão, obviamente, ao último prego no caixão. Até nós obtermos algo assim, no entanto, eu acredito que a negociação a curto prazo, de avanço e retrocesso, é aquilo que você terá de fazer.

brent

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *