Previsão do Petróleo Bruto, 27 de Março de 2017, Análise Técnica

Petróleo Bruto WTI

O mercado do Petróleo Bruto WTI tentou, inicialmente, fazer um rally, durante a sessão de Sexta-feira, mas encontrou resistência suficiente para retrair e formar um pouco de uma estrela cadente. A estrela cadente constitui, obviamente, um sinal de exaustão mas eu vejo suporte significativo junto ao nível dos $47. Uma quebra abaixo daí e então eu acreditarei que o mercado fará descer os preços para o patamar dos $45. Qualquer rally, neste momento, terá de lidar com alguma resistência junto ao patamar dos $50, que corresponde a um número psicologicamente massivo e suporte anterior. Devido a isto, eu olho para os rallies como potenciais oportunidades de venda num mercado que claramente quebrou recentemente. Os $45 abaixo deveria ser massivamente favorável, mas, se nós quebrarmos abaixo daí, eu julgo que o mercado continuará a descer muito mais.

Vídeo dos Inventários do Petróleo Bruto 23.317.

oil-17

Brent

Os mercados do Brent retraíram e avançaram durante o dia de Sexta-feira, já que o nível dos $50 ofereceu um pouco de suporte. Se nós quebrarmos abaixo daí, o mercado deveria depois descer muito mais, talvez rumando ao patamar dos $45. Se nós fizermos um rally, eu julgo que o nível dos $53 acima é resistente, de forma massiva. Uma vela exaustiva constituiria uma oportunidade de venda, mas se nós conseguirmos quebrar acima daí isso significará que nós rumaríamos, mais do que provavelmente ao patamar dos $55.

Eu acredito que a mudança em sentido descendente que nós temos visto recentemente tem sido muito forte e isso sugere-me que a atitude geral dos mercados se terá alterado. O excesso de oferta deveria continuar a ser muito negativo e, consequentemente, eu não tenho qualquer interesse em comprar. Eu acredito que os mercados continuarão a punir o petróleo devido à já incapacidade de a OPEP controlar a oferta.  Existe, de longe, demasiado no caminho da oferta a surgir nos Estados Unidos, Canadá, México e alguns outros países oferecerão um peso sério, no que diz respeito aos próprios mercados. Longe vão os dias em que a OPEP controlava os preços do petróleo, neste momento.

brent-17

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *