Primeira remessa de fórmula infantil chega da Europa aos EUA em meio à escassez

Por Ahmed Aboulenein e Chris Gallagher

WASHINGTON (Reuters) – Um avião de carga militar que transportava o primeiro carregamento de fórmula infantil da Europa para ajudar a resolver uma escassez crítica nos Estados Unidos pousou em Indiana neste domingo, mas um alto funcionário do governo observou que muito mais precisa ser feito.

Um recall de 17 de fevereiro pela Abbott Laboratories, um dos principais fabricantes de fórmulas para bebês, e o fechamento de sua fábrica em Sturgis, Michigan, criou um dos maiores episódios de escassez de fórmulas infantis na história recente para as famílias dos EUA.

“Este é um passo importante, mas não é o único passo que deve ser dado. Continuaremos a trabalhar como o presidente nos instruiu a procurar todas as oportunidades para aumentar a oferta”, disse o secretário de Agricultura, Tom Vilsack.

“Esta fórmula em particular é para uma porcentagem muito, muito pequena de crianças. Aproximadamente 17.000 crianças no país são basicamente as beneficiárias desta fórmula em particular”, disse ele.

A administração do presidente Joe Biden está procurando estocar prateleiras vazias com 1,5 milhão de recipientes de fórmulas infantis especiais da Nestlé. Na semana passada, Biden invocou a Lei de Produção de Defesa da era da Guerra Fria para ajudar a aumentar os suprimentos.

A Nestlé disse que mais remessas chegarão nos próximos dias.

(Reportagem de Ahmed Aboulenein e Chris Gallagher, com reportagem adicional de Jessica DiNapoli em Davos e Barbara Goldberg em Nova York)