Vale pagou 63% mais tributos em 2021 com alta do minério de ferro, diz relatório

SÃO PAULO (Reuters) – A mineradora Vale pagou 9,3 bilhões de dólares em impostos e royalties globalmente em 2021, aumento de 63% em relação a 2020, em grande parte devido aos preços mais elevados de minério de ferro e cobre, disse a companhia nesta terça-feira.

Do total de tributos pagos pela Vale, 89% foram arrecadados no Brasil, onde está a maior parte das operações da empresa –o equivalente a 45 bilhões de reais.

“Nossa contribuição tributária tem um papel fundamental no apoio às comunidades, pessoas e governos das regiões onde operamos, gerando um forte e positivo legado econômico, social e ambiental”, disse o diretor Tributário Global, Octavio Bulcão, em nota.

Os dados fazem parte da terceira edição do Relatório de Transparência Fiscal da Vale, que compartilha detalhes dos tributos que a empresa paga e das contribuições que faz para os lugares onde atua.

Já a chamada “contribuição econômica global” da Vale alcançou 45,6 bilhões de dólares em 2021 e 317 bilhões de dólares nos últimos dez anos. Esse valor considera, além dos tributos, os montantes pagos a fornecedores, os salários de mais de 200 mil empregados próprios e terceiros, os reinvestimentos, entre outros.

O relatório, que teve sua primeira edição publicada em 2020, detalha os princípios para a abordagem da Vale em relação a tributos e investimentos.

Inclui informações relativas a tributos sobre renda, mineração, folha de pagamentos e produtos e serviços, entre outros, e fornece dados sobre valores pagos no Brasil, Canadá, Indonésia e Moçambique.

(Por Roberto Samora)