Pedestre caminha em frente à Bolsa de Valores de Nova York

Wall St cai com preocupações sobre Ômicron; mercado aguarda reunião do Fed

Por Shreyashi Sanyal e Bansari Mayur Kamdar

(Reuters) – As ações dos Estados Unidos caíam nesta segunda-feira devido a preocupações persistentes sobre a variante Ômicron e antes da reunião do banco central norte-americano desta semana, enquanto a Apple ampliava os ganhos, aproximando-se da marca de 3 trilhões de dólares em valor de mercado e mantendo as quedas do Nasdaq sob controle.

Sete dos 11 principais setores do índice S&P 500 caíam na sessão, com ganhos apenas nos setores defensivos, incluindo os de bens de consumo básicos, serviços públicos e imobiliário.

Ações relacionadas a viagens também caíam após a notícia de que pelo menos um paciente morreu no Reino Unido depois de contrair a variante Ômicron do coronavírus.

Papéis da Carnival Corp recuavam quase 6%, liderando as quedas entre as operadoras de cruzeiros, enquanto o índice de linhas aéreas S&P 1500 perdia 3,4%.

As ações da Apple subiram 0,8% depois que o JP Morgan elevou sua meta de preço das ações da empresa para o valor mais alto de Wall Street. A companhia caminha para se tornar a primeira do mundo a atingir 3 trilhões de dólares em valor de mercado.

Às 12:52 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 0,8%, a 35.683 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 0,594437%, a 4.684 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 0,69%, a 15.522 pontos.

A decisão de política monetária do Federal Reserve continua sendo um evento importante para os mercados, com grandes apostas de que o banco central dos EUA irá sugerir uma redução mais rápida da compra de ativos e um início mais precoce do aumento dos juros.

(Por Shreyashi Sanyal e Bansari Mayur Kamdar)