Mercado Diário – 09/11/2018

  • O Índice do Dólar (DXY) buscou se manter suportado, manutenção da taxa de juros nos EUA trouxe aumento de volatilidade no par.
  • EUR/USD encontrou dificuldade em se manter acima da região de resistência 1.143, o preço voltou a cair que poderá retomar baixa.
  • GBP/USD tentou continuar alta, mas não evoluiu muito no movimento de alta, e logo reverteu o dia em baixa, retornando ao teste do suporte 1.31.
  • USD/JPY continuou o movimento ascendente e se aproximou do nível 114, um fechamento diário acima desse nível pode renovar a máxima para o ano atual.
  • USD/CHF após o mergulho abaixo da paridade e teve aumento de demanda, que elevou um pouco a cotação, mercado pode tentar estender a alta.
  • BTC/USD encerrou o dia em baixa, mas ainda assim o mercado pode tentar retomar alta, quedas do preço até área $6000 podem ser boa oportunidade de compra.

Mercado Diário – 08/11/2018

  • O Índice do Dólar (DXY) teve um dia de forte baixa, o dólar se enfraqueceu após as eleições parlamentares nos EUA, mas no fim do dia recuperou parte do valor.
  • EUR/USD subiu e chegou a testar a área 1.15, porém após tocar a região sofreu queda, ainda assim um fechamento diário em alta pode incentivar a compra.
  • GBP/USD conseguiu se manter em alta, sendo negociado acima de 1.31, caso tenha fechamento diário abaixo de 1.31, queda maior pode ocorrer.
  • USD/JPY teve dia bastante volátil, apresentou um doji, tendência ainda é de alta, e mergulhos no preço poderão ser boa oportunidade de compra.
  • USD/CHF teve forte mergulho e atingiu o menor valor da semana atual, ainda assim, teve aumento de demanda que fez o preço voltar a superar o nível 1.00.
  • BTC/USD está lentamente subindo, após “se livrar” da linha de tendência de baixa, mercado poderá buscar alta maior no ativo.

EUR/USD Estende Correção

O EURUSD passou por uma tendência de queda que teve início em outubro, o preço caiu da área 1.18, e posteriormente caminhou para um teste da área de suporte 1.13, nível  que foi desafiado na semana passada, porém não conseguiu o rompimento, e o aumento da demanda na região, levou o par novamente a uma correção para o norte, fazendo o preço voltar a ser negociado acima de 1.14.

O movimento de alta encontrou resistência na área 1.143, região que teve a convergência de duas resistências, uma dinâmica, e outra estática, sendo que o preço no primeiro teste dessa área, não conseguiu superar a região, e acabou recuando um pouco mais abaixo, para o nível 1.14. Porém, após essa ligeira queda, o mercado voltou a subir, e conseguiu uma superação da resistência que vinha segurando o preço, e agora o mercado caminha para um teste e possível superação do nível 1.15.

Veja o gráfico diário do EURUSD:

Caso o mercado consiga continuar o movimento de alta e tenha um fechamento diário acima de 1.15, isso indicará a presença forte de compradores, que poderão continuar buscando uma elevação da cotação, que pode levar o preço novamente a área 1.16, ou níveis ainda mais altos, o nível 1.15 é um nível psicológico forte, e no caso do preço falhar em superar esse nível, e após testar a região volte a fechar abaixo da mesma, nesse caso uma nova queda poderá ocorrer no par.

Analisando tecnicamente o EURUSD em velas diárias, vemos a EMA10 (vermelha) abaixo da EMA20 (azul) indicando a tendência de baixa, o MACD está menor que a linha de equilíbrio, também indicando a tendência de baixa, o Estocástico está próximo do sobrecomprado, indicando que o preço encontrou suporte e passa por uma correção para cima, portanto, de forma geral, os indicativos são de tendência de baixa, mas agora é a hora da retração para o norte, e o principal nível a ser monitorado é o 1.15.

Mercado Diário – 07/11/2018

  • O Índice do Dólar (DXY) tentou continuar a retração, mas o dólar acabou encontrando suporte, e pode tentar retomar valorização a partir da região.
  • EUR/USD subiu, porém encontrou a conjunção de duas resistências, uma dinâmica e outra estática, região essa que pode continuar atraindo vendedores.
  • GBP/USD teve dia de forte alta e se posicionou para um desafio do 1.31, um rompimento desse nível abre espaço para uma alta maior no par.
  • USD/JPY conseguiu se manter acima de 113, mercado renovou a máxima para a semana e superou o topo da semana anterior, o que pode estimular compradores nesse mercado.
  • USD/CHF apesar de um dia de leve baixa, ainda assim preço continua acima da paridade e pode retomar alta, pois o suporte na área 1.00 pode estimular a elevação da cotação.
  • BTC/USD sobe lentamente após superar a resistência dinâmica, pode conseguir continuar o movimento ascendente rumo a novo teste do $7000.

Mercado Diário – 06/11/2018

  • O Índice do Dólar (DXY) tentou continuar a alta, mas acabou encontrando resistência e reverteu o dia em baixa, podendo cair mais até a mínima de sexta-feira.
  • EUR/USD inicialmente caiu, encontrou compradores na área 1.1352, região que impulsionou o preço para nova alta que superou o nível 1.14.
  • GBP/USD permaneceu sendo negociado a maior parte do dia acima de 1.30, mercado poderá tentar estender o movimento ascendente rumo a teste do 1.31.
  • USD/JPY não encontrou força para superar a máxima dos últimos dias, caso falhe em romper o 113.4, preço pode recuar até abaixo de 113.
  • USD/CHF subiu no decorrer do dia, mas acabou revertendo o movimento e pode acabar tendo um dia de baixa, o que pode estimular a venda, rumo a novo teste do 1.00.
  • BTC/USD conseguiu superar a linha de resistência dinâmica azul, compradores poderão buscar uma alta maior rumo a um desafio do nível $7.000.

Mercado Diário – 02/11/2018

  • O Índice do Dólar (DXY) renovou a máxima para o ano, mas acabou tendo correção para baixo, mercado agarda NFP para decidir evolução do preço.
  • EUR/USD tocou o suporte 1.13, de lá subiu com força, retornando a área de negociação superior a 1.14, nível que era resistência, poderá virar suporte.
  • GBP/USD teve um forte rali, com uma das maiores altas do ano, o preço voltou a superar o nível 1.30, e mercado pode tentar estender o movimento ascendente.
  • USD/JPY após superar o nível 1.13, voltou a ser negociado abaixo dessa área, encontrando resistência em 113, e suporte na área das EMAs em 112.60.
  • USD/CHF após fazer novo topo no ano, caiu e voltou a testar o nível da paridade, onde compradores limitara uma queda maior, e podem tentar retomar alta.
  • BTC/USD teve dia se alta leve, mas ainda não encontra forças para superar o nível de resistência dinâmica (linha azul).

EUR/USD Continua Tendência de Queda

O EURUSD se mantém em tendência de baixa movimento que iniciou no final de setembro, quando o preço encontrou resistência na região 1.18 e caiu para um desafio do nível1.15, então nessa segunda região, apareceu a questão do déficit da Itália, com o governo declarando que aumentará o déficit do país, indo de encontro as recomendações da União Europeia, isso colocou o euro sob pressão e então, o par vem continuando a tendência bearish.

No decorrer da queda primeiro o par encontrou suporte 1.1432, o que incentivou a realização de lucros, na abertura do mercado na semana subsequente, o governo italiano confirmou que o déficit será aumentado, e então, o preço voltou a sofrer queda após ter tido retração para cima na semana anterior, e desde então o preço busca uma aceleração da baixa, já que do lado europeu aumentaram as incertezas, e do lado dos norte americanos, a economia continua desempenhando bem, com sólida geração de vagas de trabalho, crescimento robusto, inflação próxima a meta do FED, e trajetória ascendente de juros.

Veja  gráfico diário do EURUSD:

Na semana atual, o preço está permanecendo em baixa, e testou novamente o suporte 1.1432, que teve o rompimento, o par agora é negociado na região 1.13, e continua a queda rumo a um teste da mínima do ano de 2018, no nível 1.13, que poderá ser desafiado no decorrer das próximas horas ou dias. Teremos nessa semana notícias de alto impacto na volatilidade, os dados de emprego para os EUA, sendo que a folha de pagamentos não agrícola será publicada sexta-feira, e caso esse indicador supere as expectativas, há uma boa chance de uma queda abaixo do 1.13.

Analisando tecnicamente o par em velas diárias, a EMA10 (vermelha) está inferior a EMA20 (azul) indicando a tendência de baixa no par, o MACD está menor que a linha de equilíbrio e decrescendo, também indicando que vendedores estão controlando o mercado e o estocástico está no sobrevendido e apontando para baixo, o que sugere o forte momento de queda que passa o EURUSD, portanto de forma geral os indicativos são de baixa, e no caso do preço voltar a fechar acima de 1.1432, o cenário de baixa pode ser inviabilizado.

EUR/USD Acelera Baixa

O EURUSD está em tendência de queda há algum tempo, sendo que no fim da semana passada, o par testou a área de suporte 1.143, onde o mercado encontrou compradores e iniciou um movimento de retração, o preço subiu e voltou a superar o nível 1.15, a correção não foi muito longe, e na abertura dessa semana, após o governo italiano declarar que aumentariam o déficit das contas daquele país, impactou negativamente no euro, e o EURUSD retomou a baixa, e caminhou para um desafio do nível 1.143.

Esse movimento descendente pode se estender, pois neste momento a situação fiscal da Itália, que é a terceira economia da zona do euro, está aumentando o risco e a incerteza em relação a moeda comum, sendo assim, o mercado está em modo de baixa, e tem uma boa probabilidade dos vendedores continuarem pressionando a cotação para um teste da mínima do ano atual, no nível 1.13.

Veja o gráfico diário do EURUSD:

Veja o gráfico diário do EURUSD:

Não há motivos para acreditarmos em uma recuperação a partir da área atual, do jeito que a situação se encontra, no que se refere à Itália, e um fechamento do preço abaixo de 1.143 indicará que vendedores estão controlando o mercado. Então, no caso de um fechamento diário abaixo do nível de suporte citado, os vendedores podem continuar buscando topos mais baixos nessa tendência de queda, já que a continuidade da tendência está na mesa.

Analisando o gráfico diário do EURUSD, a EMA10 (vermelha) está inferior a EMA20 (azul), o que indica tendência de queda no par, o MACD está menor que a linha zero e diminuindo, indicando que os vendedores estão controlando o mercado, o Estocástico está no sobrevendido o que sugere um movimento estendido, portando de forma geral, os indicativos técnicos são de possível continuação da queda.

Mercado Diário – 22/10/2018

  • O Índice do Dólar (DXY) teve uma semana de alta, mas acabou recuando na sexta, mercado pode estender queda no início da semana que iniciará.
  • EUR/USD encontrou suporte na área 1.143 e subiu, retomando o nível 1.15, compradores tiveram alta limitada na área 1.153, resistência mais próxima ao preço.
  • GBP/USD voltou a subir tendo se mantido acima de 1.30, preço encontrou resistência em 1.31, e poderá testar novamente essa resistência na próxima semana.
  • USD/JPY encerrou a semana em alta, preço encontra resistência em 112.6/7, um fechamento diário acima de 112.7 coloca o par em posição bullish.
  • USD/CHF teve continuidade da alta e encerrou a semana próximo a paridade, porém região que preço se encontra é resistência e pode levar preço a retração.
  • BTC/USD permanece pressionado para baixo, e preço não encontra forças para superar resistência dinâmica púrpura, portando preço ainda pode cair mais.

Mercado Diário – 19/10/2018

  • O Índice do Dólar (DXY) continuou o movimento ascendente com o dólar estendendo seu fortalecimento, o preço superou o nível 95.65 continuou a alta.
  • EUR/USD caiu com força e rompeu o suporte 1.15, a queda caminhou para a área 1.145 nível que tenta limitar uma queda maior, porém baixa poderá ser maior.
  • GBP/USD teve queda considerável e renovou a mínima para a semana atual, próximo suporte a ser testado na área 1.30.
  • USD/JPY tentou se manter em alta por um breve período mas acabou caindo, o preço voltou a testar o nível 112, onde uma baixa maior foi limitada.
  • USD/CHF estendeu o movimento ascendente e superou a máxima da semana, mercado renovou o topo e se aproximou de um teste da paridade.
  • BTC/USD apresentou baixa volatilidade a maior parte do dia e teve um leve mergulho, preço pode tentar nova queda nessa sexta-feira.